O que é Cosmetologia? Saiba mais sobre essa área com a cosmetóloga Daniela Lopez

 



                    O Brasil ocupa os primeiros lugares no ranking de consumo de produtos cosméticos há anos, em 2020, de acordo com dados da FORBES, ocupou o quarto lugar.
               Quando o assunto é procedimento estético, as intervenções somam o 2º lugar. Os dados são da ISAPS (Internacional Society Of Aesthetic Rastic Surgery). 
                Os cuidados com a beleza, não são deixados de lado nem quando o assunto é viagem ou férias. Recentemente, no blog, fizemos uma matéria onde leitores falavam sobre qual item não pode faltar na bagagem e os cuidados que tem com os cabelos e pele durante o momento de lazer. 
                Mas você já imaginou que até aquele creme milagroso chegar até às suas mãos e bagagens, ele passou por inúmeros processos e pesquisas? 
            
    É exatamente aí que entra a Cosmetologia e o profissional que atuará nessa área. Na entrevista de hoje, Daniela Lopez (foto), primeira brasileira graduada em Cosmetologia do país e que está abrindo sua 'Faculdade de Cosmetologia e Estética (ESEC)', fala sobre seu curso superior e essa área que vem crescendo tão consideravelmente. 
 

Roger - A senhora inicia sua carreira como auxiliar de estética nos anos 90, e se especializa em uma área que de acordo com a 'Revista Exame', teve crescimento de 567% nos últimos cinco anos e hoje soma mais de 400 mil profissionais. Qual o motivo, na sua opinião, faz com que esse mercado cresça tão exponencialmente? 


Daniela - Sim, a revista Exame informou esse crescimento com base em Abhipec, ocorre que esses dados na época foram colhidos pela sindestetica São Paulo, a Abhipec e Sebrae copiaram esses dados sem nunca terem citado a fonte.

                 Sim, este mercado tem o crescimento exacerbado devido as pessoas terem a alma insaciável, nada está bom para os animais racionais, querem sempre mais, mais e mais, o muito é pouco. Se olham no espelho e tem a imagem distorcida do que são. Há a questão da mídia, que o tempo todo lhe apresenta um padrão, dentro da mensagem subliminar ou subconsciente enraíza em seu eu, há a necessidade de mudar, de melhorar, de acrescentar, de tirar aqui e acolá... ainda implantam na mente das pessoas que se seguir aquele padrão, um marido vem, um namorado, um amor e assim por diante... Atualmente cresceu muito a busca por estética pelos homens, mas ainda é tímido. Essa loucura desenfreada na co-ligação do seu corpo perfeito x amor da sua vida é uma ilusão. 

Uma pesquisa do cientista suíço Jean-Luc Jucker, mostrou que
o padrão de beleza pode se alterar a cada 15 minutos. 
De acordo com o estudo, televisão, publicidade e cinema podem interferir
incisivamente nessas alterações. 


Roger - A senhora está trabalhando na formação de outros profissionais com a inauguração de seu curso superior. E são poucas as instituições que ofertam o curso superior de cosmetologia. O que o seu curso difere dos demais. E o que os seus futuros alunos podem esperar?


Daniela - Sim estou! No Brasil é a única faculdade 100% voltada para a estética e cosmetologia. O curso só aceita técnicos, graduados em estética e cosmetologia, para as modalidades de residência e pós-graduação, pós técnico. Para graduação de cosmetologia qualquer pessoa pode se matricular, seguindo obviamente os padrões rígidos de seleção por prova. Os alunos ao se formarem estarão aptos a exercer todos os procedimentos estéticos faciais, corporal e capilar. Sendo profissionais éticos e especialistas. 

Continua após a publicidade

Roger - Muita gente questionada em meu Instagram, se sabiam o que era cosmetologia disseram que não. Alguns até acharam que seria algo que teria a ver com cosméticos, mas não que fosse uma ciência. Poderia explicar para quem desconhece essa nomenclatura e ciência, o que ela abrange? 


Daniela - Sim, a cosmetologia é uma ciência. O profissional cosmetólogo trabalha desde a criação de um produto, desenvolvimento e responsabilidade técnica por aquela formulação. 


Imagem: Reprodução internet

Roger - O Brasil é um dos campeões em procedimentos estéticos. A atual onda do momento é a Harmonização Facial e a senhora é instrutora? Nessa febre desse tipo de procedimento, há alguma contra indicação, não há um uso exacerbado? Para quem ele é realmente indicado? 


Daniela - Sim sou instrutora para HOF. Sim, muitas contraindicações. Sim, extremamente banalizado. A harmonização facial é uma correção de assimetria facial, uma ajeitada aqui, outra ali. Não é para ser utilizada da forma que está, todos virando robozinhos. Fico muito depressiva com essa invasão escancarada na estética com outros profissionais que já tem suas profissões e decidem invadir a estética. Estética é profissão, não especialização!


Recentemente, o cantor, Lucas Lucco, se arrependeu do procedimento e comemorou em suas redes sociais a reversão da harmonização. 
Imagem: Reprodução

Roger - A senhora também é pesquisadora e desenvolvedora de técnicas cosmetólogicas para retração tecidual. O curso também vai oferecer essa possibilidade aos alunos, de serem pesquisadores?


Daniela - Sim sou. Sim, o curso de cosmetologia é voltado totalmente para estudos de ativos suas funcionalidades, mecanismos de ação e descobertas de novas formulações x insumos. 


Roger - Para quem não sabe o que é retração tecidual e para quem sofre com ela, poderia nos explicar. Inclusive nesses casos, de quem sofre o que é mais indicado? E tem algum tipo de cicatrização que é difícil recuperar?


Daniela - Sim. A retração tecidual, é excelente para mulheres que tiveram filhos (exemplo), e após a gestação fica com a pele da barriga muito flácida, o efeito pochete, como é conhecido. Na retração, conseguimos retrair esse tecido a sua origem. Em alguns casos, recupera-se tudo, em outros retrai parte dessa pele ao seu local original. 


Roger - E tem algum tipo de cicatrização que é difícil recuperar?


Daniela - Sim, tem! Principalmente quando o fato é genético a resistência é maior. 


Roger - Ainda sobre o processo de cicatrização e reparação. Existem muitos cosméticos, agora na moda tem o ácido hialurônico (Avon e outros), que prometem regenerar a pele e principalmente atenuar cicatrizes. Esses cremes, ácidos, etc... Realmente operam esses milagres ou é ilusão?


Daniela - Esses cremes são formulados enquanto cosméticos. Não são nanovetorizados ou lipofílicos, dessa forma um cosmético encontra uma barreira para chegar até a derme, para surtir um efeito desejado é ideal que atravesse a barreira cutânea. 


Imagem: Reprodução


Roger - A senhora é esposa de um Monge Budista. Eu também sou Budista (Nichiren) e é curioso, porque a 'Filosofia Budista', vai quase numa concepção de que a busca da beleza inferior refletiria no exterior. Você também segue a doutrina, o que ela lhe ajuda, ou nas conversas com seu marido, acaba extraindo algo para seu trabalho?


Daniela - Fui Budista (Nam Myo Ho Rengue Kyo), por 10 anos. Hoje sigo o Budismo do templo, Kannon, independente disso, Budismo é Budismo, lei de causa é efeito, ação e reação. Sim, conversamos muito sobre tudo isso, outro dia fiz botox no meu marido, contra a vontade dele. Incrível, ele ficou um mês reclamando que o botox fechou o chakra do 3º olho, e de fato tenho ouvido muito esse tipo de relato por aqui. Eu me encontrei no Budismo, sou uma alma com espírito de busca, tempo todo procurando explicação das coisas, encontrei respostas à minhas milhares de perguntas no Budismo. A beleza verdadeira vem de dentro, reflete quanticamente no seu exterior. Estamos aqui de passagem, este corpo logo vira vento, que façamos dele nossa morada e de forma consciente e controlada cuidemos da saúde biológica e na saúde estética. 


Roger - O Brasil também é grande consumidor de produtos de beleza, desde shampoos, hidratantes e cremes, etc. Das grandes marcas aos fabricados manualmente, em empresas bem caseiras, por pessoas que não fizeram curso, pesquisa, etc. O curso, com formação superior, poderia ajudar essas pessoas que não tem conhecimento científico e só detém o empírico? 


Daniela - Sim, ajuda muito! Porém grande parte desses cosméticos de cozinha, são feitos na linha de saboaria, artesanal, que no Brasil ainda não é legalizado na Anvisa. Acredito que nunca a Anvisa irá se dar ao trabalho de regular isso, visto que as potências cosméticas estão aí né 





                       

Comentários

Que tal um pijaminha para viajar, da grife do ex-BBB Tiago Abravanel

¿Quieres viajar, bucear o comprar un paseo?

Vai viajar para outro país? Contrate o seguro viagem da Allianz Travel com cobertura para Covid-19

Vai viajar para outro país? Contrate o seguro viagem da Allianz Travel com cobertura para Covid-19
Viagens dentro e fora do país, procure a Allianz. Faça aqui mesmo no blog pelo link

Postagens mais visitadas